Diana Cunha
ProfesorPro

Diana Cunha

Cascais, Portugal

Diana Cunha

Olá, o meu nome é Diana Cunha e sou uma artista têxtil portuguesa.

Apesar de eu desde cedo demonstrar muita criatividade, só aos 40 anos é que assumi a minha paixão pelos fios e pelo têxtil. Tirei a licenciatura em Relações Internacionais em Lisboa e entrei no mundo da banca onde trabalhei 20 anos. Vivi 6 anos em Angola (entre 2009 e 2015) e quando fiz 40 anos senti uma grande necessidade de dar largas à minha criatividade. Com uma grande curiosidade pela tapeçaria, frequentei dois workshops da artista australiana Maryanne Moodie. Desde a primeira peça que fiz no workshop que percebi que tinha encontrado o meu caminho. Desde essa altura, desenvolvi a minha própria linguagem e estilo, dando um caracter contemporâneo às minhas peças utilizando técnicas ancestrais como a tapeçaria em tear, o macrame e o bordado.

No inicio de 2016 criei a minha marca “Oficina 166” e no fim de 2017 mudei o meu atelier de minha casa para um atelier maior, onde trabalho com uma equipa de 2 pessoas a tempo inteiro.

Em Abril de 2018 inaugurei a minha primeira exposição individual na galeria do Museu da Carris e em Julho de 2019 voltei a expor na loja de design de interiores Puracal, ambas em Lisboa.

Numa busca constante de novos materiais e com vontade de explorar novos designs, o meu portfolio vai desde tapeçarias decorativas (misturando as técnicas de tapeçaria e macramé), troncos e ramos grandes tecidos, a coleções de candeeiros, telas bordadas e mobiliário exterior utilizando corda náutica.

Cada peça é única e tem a sua própria história. Faço mesmo questão de não fazer duas peças iguais, quero que um cliente sinta que tem uma peça especial e única. As peças que mais gosto de fazer são as de grande dimensão e os projectos e instalações grandes são já uma imagem da minha marca.

O meu atelier recebe encomendas de particulares (quer portugueses, quer estrangeiros, por exemplo dos EUA, Luxemburgo, Turquia e Angola), mas na sua maioria os meus clientes são do ramo hoteleiro e restauração, arquitetos e designers de interiores e empresas. Poderão encontrar algumas das suas peças no bem conhecido Bairro Alto Hotel (Lisboa), no White Exclusive Suites & Villas (São Miguel, Açores), no Hotel Albatroz (Cascais), em vários pequenos hotéis pelo país e em restaurantes, quer em Portugal, quer no estrangeiro, tais como o Tsukiji do chef Paulo Morais em Lisboa e o Banco Knokke na Bélgica.

Ensinar as várias técnicas passou a ser uma das minhas missões. Adoro ensinar e contagiar este amor pelo feito à mão e pelos fios. Durante todo o ano, organizo workshops, cursos e retiros criativos onde são abordadas as várias técnicas. Também dou workshops a empresas (por exemplo, workshops no âmbito de team-buildings) e para grupos de turistas que viajam para Portugal e pretendem usufruir de experiências criativas são também uma possibilidade.

Profesor de

Proyectos